Adegas de vinho

As adegas, além de uma ventilação natural do ambiente, requerem uma humidade e temperatura constante. Nem todas as adegas durante todo o ano chegam a ter um bom nível de humidade. A humidade relativa do ar numa adega tem de estar entre o 75% e o 85%. Com menos de 75% existe o risco de secagem dos barris e evaporação do vinho, enquanto com mais de 85% podem desenvolver-se fungos e humidade, em general.

As vantagens em termos económicos para a qual contribui um bom nível de humidade numa adega são as seguintes:

  • Redução da perda de vinho por evaporação natural. Estima-se que as perdas podem chegar a ser maiores de 6% do volume armazenado nas barricas.
  • Em consequência reduz-se também a mão de obra para reencher as cubas.
  • Maior qualidade do vinho evitando o aumento de graduação alcoólica pela evaporação da água.
  • Evita a secagem das barricas e mantém-nas eficientes.

O nosso sistema de nebulização soluciona os problemas de humidade e temperatura da adega.